Caiu na rede, nem sempre é peixe

31/07/2014 - 15:01

O blog já havia adiantando que o uso das redes sociais deveria ser o grande diferencial desta campanha, tanto para o bem como para o mal. Alertamos também que a guerra de informações nas redes, fomentada por  eleitores e simpatizantes, poderia prejudicar candidatos. E a polêmica de hoje (31) está em torno de postagem que está sendo replicada no facebook, desvirtuando informações postadas pela página oficial do candidato ao Senado, Wilson Martins (PSB). Os números usados são da pesquisa Amostragem do Sistema Meio Norte de Comunicação só que o uso nos posts não foi interpretado como correto, pelo menos no aspecto da Legislação Eleitoral, pelos advogados da coligação de Wilson.

IMG-20140731-WA0018

Em uma das postagens os números corretos da pesquisa, que haviam sido divulgados na fanpage oficial de Wilson, são trocados e foram publicados em favor de Elmano Ferrer (PTB), principal adversário de Wilson na disputa. Agora a coligação deverá ser acionada na Justiça por conta do mal uso das redes sociais, que em muitas vezes nem é de conhecimento do próprio candidato. Neste caso duvido muito que o ex-prefeito de Teresina aprove esse tipo de conduta, mas terá que se explicar porque o acionado será ele, já que seria o pretenso beneficiado com a postagem.

IMG-20140731-WA0024

IMG-20140731-WA0029

Dilma pra que te quero?

30/07/2014 - 17:24

Se em São Paulo o marqueteiro Duda Mendonça tem, tinha ou terá a missão de distanciar o candidato do PMDB, Paulo Skaf, da presidenta Dilma Rousseff(PT) que apresenta índice alto de rejeição forte naquele estado, no Piauí a situação é outra e ocorre na contramão.

O governador Zé Filho assumiu apoio ao tucano Aécio Neves, mas não bate de frente com o nome Dilma Rousseff, justamente porque aqui no Estado a presidenta tem o seu maior colégio eleitoral no Nordeste. E assim a campanha eleitoral segue, sem maiores conflitos internos como acontece em São Paulo.

Sabedor deste cenário que lhe é favorável, ponto para o senador Wellington Dias (PT) que cola cada vez mais sua imagem na da presidenta.

Em tempo, ainda sobre São Paulo, foi preciso o presidente do partido e candidato a vice de Dilma, Michel Temer, meter a colher e chamar na grande o candidato do partido, Paulo Skaff. Foi claro e direto e disse que “em São Paulo, o PMDB está com Dilma e comigo”. Fez-se entender que não quer essa de descolar imagem do PT, muito menos da presidenta.

Ciro entre as “cabeças” e garante recursos para Teresina

30/07/2014 - 12:56

ciro nogueira blog elisabeth

 

O senador Ciro Nogueira foi apontado como um dos “Cabeças do Congresso Nacional” pelo Diap, Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, na mesma semana em que anunciou investimentos da ordem de R$ 173  milhões para obras de mobilidade urbana em Teresina.

É a segunda investida do parlamentar em obras desta natureza na capital. O primeiro foi o viaduto da Higino Cunha. Agora, serão contempladas obras do Corredor Norte II, Corredor Leste/Sudeste, a segunda ponte na Avenida Poti, Corredor Norte/Leste, o viaduto da avenida Barão de Gurguéia e reformas na BR 316.

Coluna do dia – Zé Filho e o freio de arrumação

30/07/2014 - 12:06

freio de arrumação

 

Zé Filho e o freio de arrumação

O governador Zé Filho teve que agir rápido para evitar mais uma baixa no grupo político de sustentação no interior, mais precisamente Pimenteiras , na região sul. É que o ex-prefeito Nonato Marreiros já tinha comunicado aos seus pares, inclusive no município, que estaria aderindo nesta quarta para o governador Zé Filho. Marreiros foi diretor da Agespisa, com todos os poderes, na administração do ex-governador Wilson Martins e estava fora da administração, assim meio esquecido, desde a ascensão de Zé Filho ao Governo. Negociações intensas nos dois lados e até o momento ao que parece, Marreiros permanece no grupo governista. É que, com a saída de Gil Paraibano do grupo, ficou mais fácil a acomodação e foi oferecida Agência de Desenvolvimento Habitacional (ADH). Cenas e próximos capítulos são aguardados por toda a semana com maiores desdobramentos deste episódio. O certo é que existem alguns pontos a serem analisados. O primeiro é que Zé Filho não poderá aceitar todo tipo de ameaça de rompimento. O Estado não cabe todos. É preciso mostrar a liderança a que se propõe no comando do Palácio de Karnak. O segundo é que deve ser levado em consideração o efeito demais uma baixa, poucos dias depois da saída de Gil na região sul. Este fato pesou muito e deve ser levado em consideração para evitar o que a oposição vem  “cantando” aos quatro ventos como forma de desestabilizar o grupo da situação.

 

Zé Filho cobra “presença forte” de aliados

Há pelo menos duas semanas colocamos no blog a necessidade de uma “chamada” de Zé Filho no grande número de lideranças em seu palanque. Ontem, pela primeira vez, Zé Filho disse que cobrará “presença forte” dos aliados em sua campanha.

Faz certo, muito certo. Depois não adianta reclamar como fez o

 

Cantiga de grilo nas finanças

O senador Wellington Dias lança mão de uma velha estratégia em campanhas eleitorais e bate na tecla de uma nota só – a quebradeira nas finanças estaduais.

O danado é que todos os adversários da vez, nesta eleição, estavam ao seu lado inclusive quando outros falavam em rombo nas contas e que só agora se soube o tamanho da conta.

 

De pires na mão e vazio

A secretária da Defesa Civil, Simone Pereira, voltou de Brasília com a confirmação de que o Governo do Estado não mais terá participação no programa Carro Pipa.

Agora, o convênio será direto entre Exército e Prefeituras Municipais. O problema é que outros estados como o vizinho Ceará e a Paraíba já receberam recursos com esta finalidade em 2014.

Vai ficar difícil explicar o motivo desta atitude que só tem um nome – retaliação!

Quem tem medo de comitê?

29/07/2014 - 11:56

HUGONAPOLEAO

Hoje (29) as 19 horas será a abertura do comitê de campanha do deputado federal Hugo Napoleão (PSD), candidato a reeleição, também inauguram comitê a deputada estadual Juliana Moraes Sousa (PMDB) e amanhã a deputada federal, Iracema Portela (PP). O comitê vai funcionar na rua Tabelião José Basílio, bairro Jockey Club. Já realizaram inauguração de comitê de campanha com convidados os deputados estaduais Robert Rios (PP), Fábio Novo (PT), Merlong Solano (PT), o deputado Assis Carvalho (PT) e Átila Lira (PSB).

Muitos candidatos e candidatos a reeleição não irão formalizar ou inaugurar comitê, principalmente com festa ou convidados. Alguns até terão, mas divulgar o endereço também nem pensar. Motivo: evitar que os comitês de campanha virem central de peregrinação de pedidos de eleitores e lideranças e assim  não ter problemas com a justiça eleitoral. Aqueles com mais bala na agulha não estão muito preocupados com esse problema.

Coluna do dia – A adesão de Gil Paraibano

27/07/2014 - 08:54

 

image

A adesão de Gil Paraibano

Há poucos dias noticiamos a união de opositores em Picos – a deputada Belê e o prefeito Kléber Eulálio – em torno da campanha de reeleição do governador Zé Filho. Hoje, a situação não é tão favorável assim ao peemedebista. É que o ex-prefeito Gil Paraibano, tio da deputada Belê e seu maior financiador político, aderiu à campanha de Wellington Dias. Não só mudou de lado, como anunciou que também mudará de partido. Seguirá para o Partido Progressista, do senador Ciro Nogueira. Este último, aliás, o grande articulador da adesão de Gil. Um trabalho que já vem sendo maquinado há algum tempo e se intensificou nas duas últimas semanas com grandes propósitos. O primeiro, claro, atrair votos para Wellington Dias em Picos e na região. E o segundo é minar uma das principais regiões onde Zé Filho e Wilson Martins, principalmente, concentra o maior número de lideranças.

 

Sílvio Mendes, o piloto

Não é a primeira vez que o ex-prefeito Sílvio Mendes prefere o volante num ato político do que participar da carreata como candidato, pedindo votos. Pode até ser uma jogada de marketing, mas talvez fosse melhor mostrar a sintonia com o candidato a governador e senador, acenando para populares.

Afinal de contas, é o maior cabo eleitoral, juntamente com Firmino Filho que está em Paris.

 

Robert Rios, o co-piloto

Bem quisto pelo eleitorado teresinense, o deputado Robert Rios foi chamado a participar da carreata de Zé Filho.  Ao lado de Sílvio Mendes, exerceu a função de co-piloto na região sul de Teresina.

Zé Filho e Wilson Martins estavam, literalmente, de carona.

 

Google Earth é usado para construção de barragem

A obra da barragem de Atalaia em Corrente foi projetada com base em dados fornecidos pelo Google Earth. O serviço de locação, que se configura como a escolha do melhor local para construção da barragem, não foi feito com medições locais e, sim, pelo Google.

A informação foi prestada pelo engenheiro da obra ao prefeito Jesualdo Cavalcanti.

 

Desvalorização de terrenos atrapalha Barragem

A desapropriação de terrenos na região da Barragem de Atalaia tem enfrentado algumas barreiras. O baixo preço dos terrenos é o primeiro. Estão pagando R$ 520 por hectare num baixão que será inundado. Ninguém aceita o preço, uma vez que o valor justo seria de R$ 3 mil por hectare.

Alguns proprietários da parte mais alta, que são menos valorizadas, estão recebendo R$1.010,00 por hectare em desapropriações feitas pela Prefeitura Municipal.