A indecisão tucana marcará 2014

03/07/2014 - 18:05

A indecisão tucana será uma das marcas da campanha deste ano. Desde o princípio do processo o PSDB dá sinais de que dentro do ninho o entendimento é algo difícil. Depois da indecisão quanto a lançar ou não candidato próprio, da indecisão sobre ter ou não um vice para o PMDB.

Chico Wilson outro

O PSDB também passou pelo drama da indecisão sobre ter ou não um nome do partido para ser candidato a deputado federal, agora o PSDB está na fase da indecisão quanto ao nome que será segundo suplente de Wilson Martins.  A indicação cabe ao partido, que já cogitou o nome da ex-deputada Mirian Portela, agora há indecisão quanto aos nome de Joinha e Chico Wilson, Mirian já deixou a lista, desistiu. Neste sábado (5) às 19 horas termina o prazo para o registro das candidaturas junto a Justiça Eleitoral.

Cento e dez anos depois, a ponte de Luzilândia

03/07/2014 - 15:29

Hoje (3) o governador Zé Filho (PMDB) , em solenidade que ocorre no final desta tarde, a obra de Ponte de Luzilândia. Zé Filho, a priori, passará apenas 9 meses no Governo e já entra pra História do Piauí por inaugurar uma obra que passou por três gestões diferentes, apenas na última década. A primeira ordem de serviço da obra foi assinada há exatamente 10 anos (30/05/2004), pelo então governador do Estado, senador Wellington Dias.

 SONY DSCFoto: Paulo Pincel

Em 2004 o custo da obra era de R$ 11 milhões e segundo o Governo, a Codevasf estaria liberando R$ 2 milhões naquele ano para a conclusão. Já a ordem de serviço para o acesso a ponte foi assinada com a esperança de emenda parlamentar do então senador Heráclito Fortes (na época do PFL), R$250 milhões. O prazo dado para a execução da obra foi de 300 dias. E já em 2004 a ponte de Luzilândia era uma reivindicação de 100 anos.

Quando o ex-governador Wilson Martins deixou o Karnak a obra já estava concluída, mas Wilson não terá o prazer de ser o governador a inaugurar uma das obras mais importantes


Novo vídeo contra Wilson Martins é repassado como viral

03/07/2014 - 13:30

A campanha eleitoral será marcada pelo uso de novas tecnologias para ataque e contra-ataque nas redes sociais e o queridinho do momento “zap zap”. O blog recebeu de um número estranhíssimo – não é do Brasil – um vídeo contra o ex-governador Wilson Martins.

Assista ao vídeo no link abaixo:

video whatsapp wilson elsabethsablog

 

O conteúdo faz críticas às ações e diz que a maior realização do ex-governador foi a construção de um hospital particular.

A propósito, o PT já escolheu um alvo. A tirar pelos discursos de parlamentares da sigla na Assembleia Legislativa e pelas manifestações, seja em público ou privado, o ex-governador Wilson Martins é o alvo preferencial da turma.

Já o governador Zé Filho, pelo menos até o momento, vem sendo poupado e o que se tem dito é que ele chegou agora e não há o que se dizer. Além claro, dos elogios a pessoa do chefe do Karnak.

Coluna do dia – Os podres dos ex-aliados

03/07/2014 - 08:54

 

 

 

carro pipa blog elisabeth sa

 

 

Os podres dos ex-aliados

Um velho problema conhecido do povo piauiense, do nordestino de um modo geral e uma triste realidade que aflige milhares de famílias desde sempre: a seca.  Eis o primeiro embate eleitoral desta campanha que, como se previa, começa polarizada entre PMDB e PT aliados de ontem e que hoje prometem uma rivalidade rasteira, típica de quem se conhece a fundo e resolve soltar todos os podres que sabem um do outro para o grande público. Se continuar neste ritmo, é possível avisar desde já que a campanha será, digamos, reveladora. Para não usar um termo mais chulo. Afinal de contas, PMDB, PT e outra penca de partidos em que seus representantes trocam farpas, acusações e indiretas pesadíssimas estavam no mesmo barco, do mesmo lado, trocando afagos, até outro dia, até o início deste ano para ser mais preciso. Aquela história,né ? A verdadeira oposição nasce do útero do governo. Neste caso, está tudo junto e misturado. A miscigenação política em nome sobrevivência da espécie falou mais alto. Impossível dizer quem é – juntamente com os aliados-  o primeiro útero de aluguel.

 

O fato é

O Governo Federal suspendeu o repasse de recursos que garantem o programa de carro-pipa a municípios do interior do Piauí. Este impasse foi utilizado, argumentado e justificado pelo governador Zé Filho como um dos pontos que o fez romper com a presidenta Dilma Rousseff e preferir bancar o palanque Aécio Neves.

Agora, Zé Filho destinou R$ 1,5 milhões para que o Estado continue sozinho a bancar o programa já a partir da próxima segunda, dia 07 de julho.

 

A reação

Na outra ponta, os petistas dizem que o corte no repasse se deu porque o Governo do Piauí está inadimplente, junto ao Governo Federal, inclusive na prestação de contas do referido programa. Também sai a informação de que o programa está garantido, pode ser ampliado e basta requerer. Além disso, já foram aplicados nos últimos anos cerca de R$ 46 milhões.

 

Rivalidade à tona

O acirramento dos ânimos é tamanho entre os ex-aliados que o Partido dos Trabalhadores, através da Rede “PT no Parlamento”, divulgou release, nesta quarta, sobre a decisão do STF, do despacho do Ministro Luiz Fux, em que, segundo o texto, anula a eleição da Conselheira Lílian Martins que é casada com o ex-governador Wilson Martins.

Isso é o que se chama de tripudiar em cima da desgraça alheia.

 

Troco na troca

O deputado Robert Rios deu uma pequena demonstração desta rivalidade entre ex-aliados, ontem, ao lembrar o mote de campanha do veín, nas eleições para prefeito de 2012. “Porque não fizeram antes? “, questionou,  em referência ao fato do senador Wellington Dias e o ex-senador Mão Santa quererem voltar ao poder.
Robert Rios blog elisabeth sa
Mas, acredito que seja para atacar diretamente o senador petista. Esta seria, pois, uma respostas às indiretas diretas de Wellington Dias que tem dito que “muita coisa mudou e precisa ser melhorada como a questão da segurança”.

Ponte de Luzilândia

Após 15 anos de espera, finalmente será inaugurada hoje a ponte sobre o Rio Parnaíba, interligando as cidades de Luzilândia, no Piauí, e São Bernardo, no Maranhão.  A nova ponte vai facilitar o acesso às regiões produtoras do Piauí e Maranhão, bem como alavancar o turismo ambiental na região conhecida como Roteiro das Águas, que inclui o Delta do Parnaíba, além de representar uma economia significativa de recursos por parte das empresas que atuam no transporte de cargas entre os dois estados.

 

Pai da criança

Vale o registro que o ex-senador Heráclito Fortes é o autor da emenda que destinou recursos para a conclusão das obras da nova ponte, que possui 380 metros de extensão e 12 metros de largura em pista dupla e consumiu recursos da ordem de R$ 8,85 milhões para ficar pronta. Juntamente com ele, na mesma empreitada, com outros valores o deputado federal Júlio César Lima e o ex-deputado B.Sá.

 

Expectativa

O blog alimenta a expectativa de, no mínimo, ver o ex-deputado Elias do Prado vestido de saia na solenidade de inauguração da Ponte de Luzilândia.

Promessa é dívida. E ninguém aqui tá pedido pro velhinho pular da dita ponte.

 

Assembleia aguarda comunicado sobre afastamento de Lilian

02/07/2014 - 16:30

lilian martins tceA Assembleia Legislativa do Piauí deve aguardar agora o comunicado da decisão do ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal, cassando a liminar do Tribunal de Justiça do Piauí que permitiu a continuidade do processo de escolha da ex-primeira dama do Estado, Lilian Martins, como conselheira do TCE.

Ainda assim, a Casa não tem o que o que fazer, pois já foi efetuado, pela própria Assembleia, a mudança na Constituição do Estado no que diz respeito ao processo de escolha dos nomes que devem compor o Tribunal. Agora o governador do Estado encaminha uma lista tríplice para o Poder Legislativa e um dos nomes é escolhido. Lilian Martins foi eleita conselheira em abril de 2012 concorrendo com o jornalista Zózimo Tavares e o advogado Arimatea Dantas.

Na época o Ministério Público ingressou com ação contra a forma de escolha alegando que o processo de escolha desobedecia a decisão do STF na ADI 2828. A Ação tratava exatamente de um inciso da Constituição do Estado de Rondônia que dava a Assembleia daquele Estado a prerrogativa de nomear conselheiros. A decisão do STF derrubou a prerrogativa e estendeu a todos os estados, por isso no entender do ministro Fux a escolha da conselheira feriu o que determinou o STF e a constituição.

Zé Filho vai de “Piauí no Coração”

02/07/2014 - 16:07

 

Foto Zé Filho

O governador Zé Filho (PMDB) segue para as eleições com a coligação “Piauí no Coração”. A campanha que leva a assinatura do publicitário baiano Duda Mendonça deixa claro pelo nome o apelo emotivo no sentido de sensibilizar o eleitorado piauiense que, pelas pesquisas qualitativas, não conhece o candidato em questão.

Com uma coligação multipartidária, com os incríveis 18 partidos, numa circunstância atípica em todo o país, em que seus aliados farão campanha para três candidatos a presidente da República, Zé Filho deverá passar ao largo de questões menores.

A prioridade é para uma campanha positiva e de promessa pata realização daquilo que seus opositores – Mão Santa e Wellington Dias – não fizeram quando estiveram no Palácio de Karnak.

“Piauí no Coração” foi o nome escolhido tanto para a coligação majoritária, quanto proporcional, e reúne 18 partidos – PMDB, PSDB, PSB, PSD, PDT, PCdoB, PV, PTC, PRP, PSL, PEN, PMN, PPS, PTdoB, PTN, PPL, PSDC e PRB.