Resposta à Regina Souza

10/08/2014 - 20:26

 

Regina Souza assina nota do PT que mais parece apologia à regulação da mídia

Regina Souza assina nota do PT que mais parece apologia à regulação da mídia

 

Resposta à Regina Souza

Aos deputados Rejane Dias e Merlong Solano, já me referi em post anterior – à título de esclarecimento – para evitar maior desgaste numa relação que sempre foi de muito respeito, profissionalismo e admiração. Imagino que mútuo até este grande mal entendido. Ao deputado Assis Carvalho, que até então não tenho conhecimento de qualquer contrariedade sobre o que fora publicado, o registro de que não tenho nada contra o nobre parlamentar, nem nunca tive e ele sabe disso. Muito pelo contrário, sempre uma relação muito cordial como o mesmo diz “entre conterrâneos”.

A resposta neste post, segue para a presidente do PT, Regina Souza. É que, em 15 anos de atividade profissional, talvez um pouco mais, escrevendo sobre política e políticos, pela primeira vez, estranhamente, sou o personagem central de uma nota pública que fora assinada pelo Partido dos Trabalhadores. Uma nota preconceituosa em que o partido chama para ele uma grande confusão do deputado Assis Carvalho, atira com extrema violência contra mim, Elisabeth Sá, e que só me fez acreditar que estão procurando um discurso de vítima que não cabe mais ao PT e faz tempo!

Dona Regina, não fui irresponsável, muito menos leviana e lhe apresento um espelho como resposta às acusações. Sim, pois me considero uma grande vítima da pregação feita, desproporcional e com um rancor que jamais imaginaria existir já que sempre mantive, como é da minha natureza, uma relação cordial com a senhora e todos os políticos.

Ademais, não sei em que estado a senhora Regina Souza mora ou morava nos últimos anos, uma vez que só reaparece publicamente a cada dois ou quatro anos, coincidentemente a cada eleição. Mas, eu estou onde sempre estive e, ao contrário do que foi dito, nunca estive afastada das minhas atividades profissionais.

Também é preciso esclarecer que não tenho nenhum vínculo profissional com o Governo do Estado, nem na esfera administrativa, nem relacionada à qualquer atividade de campanha. Portanto, não estou a serviço de nenhum grupo político. O que, como toda cidadã, não me isenta ter preferências nesta eleição.

Este blog só tem dois meses e estranhamente nenhuma nota que possa ter tido uma conotação positiva ao PT e seu candidato o senador Wellington Dias (duvido muito que concorde com todo esta confusão e palavras que não fazem parte do seu vocabulário) ganhou tamanha repercussão ou foi merecedora de qualquer referência pública, uma gentileza ou agradecimento, por exemplo.

Sim, deixei o vídeo e o jornal impresso, mas tenho há 14 anos uma empresa de assessoria de imprensa e, sim, coordeno a Assessoria de Imprensa da Assembleia Legislativa, onde lá trabalho para uma Casa composta por 30 deputados de diferentes matrizes partidárias, inclusive os deputados Rejane Dias e Merlong Solano, que bem sabem da condução isenta prestada pela nossa equipe.

Neste longo período que a senhora se refere, que foram os últimos quatro anos, tive dois filhos. E boa parte do meu afastamento para o grande público se deu em função da maternidade. Mas, a senhora não sabe e não entende disso.

A forma como se referiu à minha família, em particular ao meu marido, Henrique Pires, foi muito indelicada. O prato que eu como, Dona Regina Souza, é aquele que acredita nas relações de trabalho respeitosas e sem ataques que só lembram a regulação da mídia proposta e defendida pelo Partido dos Trabalhadores, sem o apoio da própria presidenta Dilma Rousseff e condenada por todos os demais partidos.    

7 Comments

  • Jeová Lino disse:

    Pois é, Elisabeth, e ela acaba de responder a um comentário meu, me mandando estudar, vê se pode? Ainda mais no Piauí que só vai estudando e estudando muito. Porque se depender dos políticos do nosso estado… Sucesso pra você.

  • fernando disse:

    Muito bem gostei das respostas…

  • Franklin Queiroz disse:

    Como uma pessoa despreparada como Regina Souza, torce pela vitoria do atual candidato do PT, para assumir o senado como suplente? O que ela já fez pelonosso estado? O que sabe pelas midias, é que ela gosta muito é de um barraco. Será que realemente atentaram contra a vida de Assis? A policia Federal ainda não divulgou nenhum laudo sobre tal situação. Vai que na verdade a Traill Blazer do deputado na verdade precisava ir apenas efetuar um reparo, porque o mesmo não se atentou para um Recall. Sei não, se essa onda de coitadinho pega.

  • italo motta disse:

    Totalmente apoiado Betinha. Admiro você como mulher, mãe e profissional da comunicacão. Não esqueça: ninguém atira em árvore que não dá frutos. Tire de letra esse comentario desnrcessario e politico relacionado a sua conduta. Estou com você!!

  • Larisse disse:

    Quem é Regina Souza?? O que ela fez ou faz pelo nosso estado? Nota desproporcional e que fere qualquer ética. Não quer ser criticada ou não aceita que falem a verdade sobre esse partido sem escrúpulos e mentiroso, VAI TRABALHAR PELO PIAUÍ!!! Parabéns pelo seu trabalho Elisabeth, como mãe e como profissional merece o respeito de todos!!!!

  • frank morais disse:

    muito bem E. Sá, vc falou tudo afinal de contas somos livres para pensar, e temos que aproveitar porque se depender de alguns isso estar bem próximo do fim.

  • Laecio disse:

    Muito bem Elisabeth.. Somente em quatro e quatro anos… e agora mais ainda pois é suplente do candidato ao governo.