Permissionários e clientes da Nova Ceasa são beneficiados com serviço de delivery

21/05/2020 - 11:26

Os permissionários da Nova Ceasa viram seu negócio mudar da noite para o dia devido à pandemia do coronavírus. Com receio de perder clientes, feirantes aderiram ao serviço de entrega em casa, usando as redes sociais como aliadas. Para facilitar o acesso dessas pessoas a internet, a Piauí Conectado implantou um Ponto de Acesso Público (PAP) na Nova Ceasa, com acesso livre a rede Wi-Fi.

Permissionária há 26 anos, Luzinete Araújo foi uma das feirantes a aderir à modalidade delivery. Ela conta que viu uma oportunidade de não perder clientes adotando o sistema de entregas e é a primeira vez que usa o serviço. Para ela, ter acesso à internet de qualidade está contribuindo para dar agilidade ao atendimento on-line.

“Tem dias que recebo 20, 30 pedidos e a internet daqui me ajuda a atender os clientes mais rápido, na hora que eles fazem o pedido. Em meio à crise, nós enxergamos uma forma de se sobressair com o delivery. Essa forma de venda a gente não tinha testado, mas está sendo um sucesso e com certeza vai ser uma tendência do mercado daqui para frente”, afirma.

O serviço também beneficia quem está em casa respeitando o isolamento social e faz parte do grupo de risco da Covid-19. É o caso da cabeleireira Domitilia Costa, que mora com a mãe de 92 anos e está evitando sair de casa como forma de proteção aos familiares. Há cerca de um mês Domitilia descobriu o serviço de delivery de feirantes da Nova Ceasa e realiza compras pelo menos uma vez por semana.

Para ela, o serviço de entrega em casa assegura certa tranquilidade, além de garantir o conforto de receber os produtos sem precisar se deslocar. “Tive conhecimento do delivery da Ceasa através das redes sociais e desde então tenho pedido. Passei a ficar mais tranquila por causa de minha mãe idosa. Todas as medidas para impedir um possível contágio eu estou tomando. Tenho costume de ir à Ceasa e lá é sempre lotado, e sabemos que o ideal é evitar muitas pessoas aglomeradas”, comenta.

Sobre a rede Piauí Conect

A rede está disponível para os distribuidores de alimentos e clientes 24h por dia. Em 30 dias de funcionamento, a rede Wi-Fi Piauí Conect da Nova Ceasa já atendeu mais de 700 usuários.

Segundo Leonardo Chagas, diretor de operações da Piauí Conectado, o objetivo é ajudar os permissionários a continuarem com suas rendas neste período de pandemia. “Sabemos da dificuldade que estão tendo nas vendas e, como muitos estão fazendo delivery, o Wi-Fi vai facilitar o atendimento pelo WhatsApp e redes sociais, então vai ser de extrema importância”, afirma.

A iniciativa faz parte do Projeto Piauí Conectado, que possui contrato na modalidade de Parceria Público-Privada com o Governo do Estado para modernizar a comunicação do Piauí e levar soluções através da tecnologia virtual.