Governo implanta internet e desenvolve aplicativo com atrações da Trilha das Emoções

18/07/2019 - 11:21

O governador determinou o início imediato dos serviços, que possibilitarão passeios mais seguros aos visitantes. Os aventureiros que buscarem a Trilha das Emoções no Piauí serão testemunhas que turismo “off road” não significa “off line”. Por determinação do governador Wellington Dias, a Secretaria de Estado do Turismo (Setur) e a Agência de Tecnologia da Informação (ATI) vão iniciar a implantação de internet ao longo do percurso de 187 quilômetros, preparados para oferecer experiências inesquecíveis de integração com a natureza, no litoral piauiense.

Em audiência, nessa terça-feira (16), no Palácio de Karnak, o governador determinou o início imediato dos serviços, que possibilitarão passeios mais seguros aos visitantes, com auxílio de um aplicativo que está sendo desenvolvido. “Todos que entrarem na trilha terão um aplicativo, onde terá acesso a todas as informações e, se tiver algum problema, há como se comunicar”, explicou Carina Câmara, superintendente de Turismo da Setur.

A Trilha das Emoções possui 187 quilômetros, se estendendo da divisa do Ceará até a divisa com o Maranhão. É concebida para oferecer um espaço regular à circulação de carros UTV, quadriciclo e outros veículos de aventura. O percurso envolve terra, areia, mata fechada e estradões. No itinerário, o turista passa dentro dos tabuleiros litorâneos, da Lagoa do Portinho, Lagoa de Sobradinho e diversos outros pontos turísticos da região. O plano é interligar Piauí, Maranhão e Ceará, estados integrantes da Rota das Emoções.

 “Estou convidando os governadores do Ceará e do Maranhão para que eles conheçam essa parte da Rota das Emoções no Piauí e possam seguir em direção a Camocim, Jericoacoara, Barreirinhas e Lençóis Maranhenses, completando essa trilha e oferecendo uma alternativa para o Brasil e o mundo” ressaltou Wellington.

A pista principal da Trilha das Emoções está pronta. A Setur está finalizando a sinalização e algumas alças de acesso a pontos turísticos e pontos de apoio. A internet vai beneficiar também as comunidades que vivem ao longo do curso da trilha. A inauguração está prevista para o dia 23 de agosto, com a presença do governador Wellington Dias e outras autoridades.