Governo anuncia promoções, teletrabalho e institui cartão de crédito para servidores estaduais

16/10/2020 - 08:00


Valorizar e reconhecer o trabalho desempenhado pelo servidor estadual. Com este objetivo o governador Wellington Dias antecipou as comemorações pelo Dia do Servidor Público, celebrado no dia 28 de outubro, e anunciou nesta quinta-feira (15), no Palácio de Karnak, um pacote de benefícios aos servidores piauienses. Dentre as medidas anunciadas estão a regulamentação do trabalho remoto, a instituição do Cartão do Servidor e a implantação das promoções, progressões e enquadramento de 4.964 funcionários do Estado, de órgãos como as secretarias de Educação, Saúde, Fazenda, Segurança e da Polícia Militar, dentre outros.

A concessão das promoções foi possível porque o Estado conseguiu se adequar aos limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) para gasto com pessoal. “Essas melhorias salariais já eram aguardadas por diversas categorias, no entanto haviam duas barreiras: a situação econômica e os limites prudenciais impostos pela LRF para gastos com pessoal. Organizamos as finanças e hoje o Estado está abaixo do limite de 47%. Isso nos permitiu retomar a política de valorização salarial para nossos servidores”, destacou o governador Wellington Dias.

As promoções, que já haviam sido divulgadas no Diário Oficial, causam um impacto mensal de cerca de R$ 2,7 milhões e deverão ser implantadas até maio de 2021.

Trabalho Remoto

O governador Wellington Dias assinou o decreto que regulamenta o home office na administração pública. Com monitoramento a cargo da Secretaria de Administração e Previdência (SeadPrev) e metas definidas por cada órgão, de acordo com as suas especificidades, os servidores poderão trabalhar remotamente, por meio do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). “Este será um legado que a pandemia nos deixa. O isolamento social impôs uma nova rotina de trabalho, e tivemos boas surpresas, como o aumento da produtividade em várias áreas. Agora estamos trazendo o teletrabalho para a nossa rotina de forma permanente. Nossa expectativa é que teremos bons resultados, tanto do ponto de vista da produtividade, como da economicidade aos cofres públicos, com a redução de despesas de material de expediente, energia, etc.”, frisou o secretário de Administração e Previdência, Franzé Silva.