População carcerária do Piauí cresce 21% em dois anos e meio

26/07/2017 - 14:03

O número de presos nos presídios do Estado cresce 6,8% ao ano. Dados do Núcleo de Estatísticas do Sistema Prisional do Piauí, órgão ligado à Secretaria de Justiça, apontam que a população carcerária nos estabelecimentos penais do Estado aumentou 21,5% de janeiro de 2015 a junho de 2017.  Em janeiro de 2015, o número total de pessoas privadas de liberdade nas 15 unidades penitenciárias do Piauí era 3.542, passando para 4.303 presos em junho de 2017 – ou seja, nesse período, a população carcerária do Estado aumentou em 761 pessoas.

 

De acordo com o Núcleo de Estatísticas, o percentual de crescimento no número de presos tem sido progressivo. Em dezembro de 2016, o crescimento no número de presos registrado em relação a janeiro do ano anterior foi de 17%.  Segundo a Secretaria de Justiça, a taxa de aprisionamento no Piauí, hoje, é de 135 (número de presos por cada 100 mil habitantes). Em janeiro de 2015, o índice de encarceramento no Estado era de 110, ou seja, essa taxa tem crescido, observando o período pesquisado.

pressidio

 

Emendas: saber para onde vai o dinheiro seria mais importante

26/07/2017 - 08:01

P

Duas questões passam batidas enquanto se  concentra atenção no tamanho montante de recursos liberados pelo Governo Federal em emendas – somente em julho foram R$2 bilhões, sendo que mais de 80% foram emendas  parlamentares, especial para a Câmara dos Deputados.

A primeira questão é que, o movimento de liberar emendas como formo de obter apoios não é uma novidade inventada pelo presidente Temer, o volume da liberação pode até ser o maior já registrado, mas liberar emenda parlamentar em nome de apoio, seja para aprovação de projetos  seja para rejeição de denuncias não é algo novo, talvez imoral, mas não ilegal.

Ocorre que, incitar  o interesse maior está em questionar a postura do Governo e dos deputados que aceitaram a liberação do recursos. Emendas  que passam a maior parte do tempo dormindo em gavetas. Não precisa ir muito longe, basta analisar a situação do Piauí, onde a bancada vive a reclamar da não liberação dos recursos de emendas.

A segunda e não menos importante questão é que,diante do fato de que os recursos já foram liberados e que a liberação não é ilegal, por quais motivos não se está questionando, levantando ou perguntando para onde vai o dinheiro? Afinal para que projetos os deputados que tiveram suas emendas liberadas? Por que o principal objetivo não tem sido de fato fiscalizar o uso do dinheiro público.  Saber para onde em quais obras será investido o dinheiro seria mais importante se o alvo e intenção dos questionamentos não fosse outro.

Wellington Dias vai a região de São Raimundo

26/07/2017 - 07:00

Wellington Dias

O governador Wellington Dias mal chegou do Canadá e já engata nova agenda de viagens,mas desta vez pelo interior do Piauí. Vai aproveitar a agenda de entrega de obras e assinatura de ordens de seeviço na região de São Raimundo Nonato.
A comitiva do governador pasará, nesta quinta-feira (27) e sexta-feira (28),pelas cidades de Dom Inocêncio,Canto do Buriti,Brejo do Piauí e Tamboril. Em São Raimundo será entregue o desenlace da placa de autorização de cobstrução do rodoanel. Também em São Raimundo, está na lista das atividades do governador a assinatura da ordem de serviço para o processo de licitação para a obra de pavimentação poliédrica. A solenidade acontece na Câmara Municipal.

Luciano Nunes recebe medalha

25/07/2017 - 18:17

Luciano Nunes recebe medalha

O deputado estadual Luciano Nunes (PSDB) recebeu nesta terça-feira (26) a medalha da Ordem do Mérito Anhanguera – Grande Oficial. A cerimônia de entrega da comenda foi realizada na cidade de Goiás Velho, durante a Transferência da Capital. Trata-se da mais alta honraria conferida pelo governo daquele estado. Na oportunidade, o governador Marconi Perillo fez a entrega da condecoração. Outras personalidades como ministros, prefeitos, presidentes de federações de todo o País foram homenageados. O governador Wellington Dias também foi condecorado com a medalha.

A solenidade de Instalação dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário para a Cidade de Goiás, que efetiva a Transferência da Capital para a Cidade de Goiás, conta com a entrega da Ordem do Mérito. A mudança para a antiga Vila Boa, primeira capital do Estado, ocorre todo dia 25 de julho, data de aniversário de fundação do município, que neste ano completa 289 anos.

Piauí continua em destaque na produção de grãos do Nordeste

25/07/2017 - 09:33

graos-safra o

O Nordeste produzirá 18,2 milhões de toneladas de grãos, na safra 2016/2017. O resultado representa crescimento de 85% em relação à safra anterior. A estimativa é da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Os Estados que apresentarão maior variação positiva segundo a Conab são Sergipe (317,1%) e Ceará (182,1%). Bahia, Maranhão e Piauí continuam sendo os grandes produtores da região.

O maior crescimento ocorrerá na produção de feijão (111,2%), com previsão de produção de 714,6 mil toneladas. Nessa cultura, a Bahia é o quinto produtor nacional e maior da Região, com produção prevista de 283,8 mil toneladas, aumento de 106% em relação ao ano-safra anterior, quando registrou incremento de área de 15% e de produtividade de 79,6% (de 354 quilos por hectare para 635 quilos por hectare).

Wellington Dias volta do Canadá

25/07/2017 - 07:00

Transmissão de cargo Margarete CoelhoWellington Dias voltou a ser ontem á noite ainda, o governador do Piauí. A vice-governadora Margarete Coelho (PP), interina no cargo desde o último dia 14,  transmitiu o cargo ao governador Wellington Dias na noite ontem, no escritório da residência.

W. Dias fez um balanço de sua estadia  no Canadá  entre os projetos que devem ser implantados no Piauí está a proposta de ressocialização no sistema carcerário do Piauí que inclui a comunidade no trabalho. O governador não explicou muitos detalhes do projeto, mas afirmou que a viagem foi bastante produtiva para o Piauí. Segundo ele além do intecâmbio no sistema penitenciário também foram firmadas intenções de parcerias nas áreas de Educação, Indústria e Turismo.