Projeto de Vila Turística na Serra da Capivara será em parceria com empresa internacional

16/01/2020 - 14:33

A KPMG, empresa de prestação de serviços profissionais de consultoria presente em 156 países é parceira do Governo do Piauí na elaboração do projeto da Vila Turística Parque Nacional da Serra da Capivara.

O governador Wellington Dias e a equipe técnica do governo estiveram com os diretores da empresa trataram dos passos que devem ser dados no projeto e apresentaram um cronograma de atividades. Hoje (16), o governador e os representantes da KPMG estarão em São Raimundo Nonato e fazem visita ao local onde será implantada a Vila Turística. O objetivo é construir um espaço voltado para a vocação turística da região desenvolvendo o setor hoteleiro, integrando o aeroporto de São Raimundo Nonato à malha aérea do país, tornando a região um polo turístico competitivo e capaz de atrair investidores.
De acordo com o sócio-líder de Governo e Infraestrutura (G&I) – Brasil e América Latina da KPMG, Maurício Endo, o estado do Piauí tem despontado na questão das parcerias público-privadas (PPPs), com o desenvolvimento de bons contratos, com sucesso nos primeiros já realizados, e que, segundo ele, em termos de estrutura e modelagens, tem tudo para ter sucesso e atrair bons investidores. “Estamos em processo inicial de análises, mas o projeto, pelo que já podemos ver, possui muitos atrativos. Além da questão histórica, dos sítios arqueológicos, que são uma das mais importantes do mundo, há o cultural, o religioso e o ecológico que podem ser aproveitados para o desenvolvimento. Isso, com certeza, terão um impacto bastante relevante tanto na melhoria da qualidade de vida da região como na economia da região”, comentou o empresário.

O governador ressaltou a importância de ter a KPMG abraçando esse projeto pela sua expertise tanto no setor público como no setor privado. “Ela está presente em 156 países, esteve presente na copa do mundo e tantos eventos importantes. Mais do que uma estruturação de uma vila, de uma área imobiliária com lazer, haverá um hotel voltado para a formação, onde o Estado é parceiro no que diz que respeito à energia, acesso, comunicação e segurança; isso tudo integrando os municípios da região”, disse Wellington.

“Este é um projeto grandioso que tem como objetivo a garantia da concretização de um destino turístico importante para o Brasil e para o mundo. Vamos precisar dessa sintonia entre público e privado, Estado, municípios. Tratei sobre isso, recentemente com o ministro do Turismo e é uma coisa muito boa que está ocorrendo no Piauí e que é casada com o nosso plano de desenvolvimento”, destacou Dias.

Ministro do Turismo conhece litoral do Piauí e libera R$ 8 milhões para Serra da Capivara

13/01/2020 - 14:58


O governador Wellington Dias acompanhou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, em visita ao litoral do Piauí, nesta segunda-feira (13). O gestor federal conheceu as potencialidades da região, como o Delta do Parnaíba e a Rota das Emoções, e liberou cerca de R$ 8 milhões para investimentos na região de São Raimundo Nonato.

Marcelo Álvaro Antônio veio acompanhado de empresários, como gestores do Grupo Nômade, um dos maiores fundos de investimentos do mundo hoje. O secretário de Estado de Turismo, Flávio Junior, e prefeitos participaram da recepção ao ministro.

O gestor reforçou a importância dessa parceria e de investir no turismo piauiense. “Trouxemos um grupo de investidores, o Grupo Nômade, que fizeram todos aqueles investimentos em Tulum, no México. Anunciamos ainda R$ 8 milhões para a Serra da Capivara para conseguirmos estruturar melhor o receptivo do turista naquela localidade. O objetivo principal é a atração de investimentos para a Rota das Emoções”, disse Marcelo Álvaro.

“Fico feliz em receber o ministro e sua equipe, que mostram interesse em trabalhar na região algumas rotas importantes, como a Rota das Emoções, sob a forma de um consórcio que envolve Piauí, Maranhão e Ceará, municípios e o governo federal. O objetivo aqui é a atração de investimentos privados a partir de um projeto bem elaborado, a chamada Rota das Emoções, que vai da região de Jericoacoara em direção ao Delta do Parnaíba e aos Lençóis Maranhenses”, explicou o governador.

Ainda segundo Wellington, foi acertado com o ministro um projeto específico para a rota. “Precisamos desenvolver as condições de voo charter inicialmente ou voo comercial para alguns países. Nós já temos uma ligação hoje com Fortaleza e Recife, precisamos de uma ligação com Salvador, integrar mais com Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília, para, com isso, tanto por meio dos aeroportos, mas também ter um olhar para Porto Marina, pensando também no acesso do turista pelo mar, de outros países e mesmo do Brasil”, especificou Dias.

O chefe do executivo estadual destacou ainda a importância de reeditar o programa Prodetur Nordeste. “Estou aqui também em nome do Consórcio Nordeste, e trouxe uma proposta que ele aceitou, de realizarmos até o mês de fevereiro duas agendas, uma no Brasil, onde vamos trabalhar no chamado Prodetur, no qual tivemos uma agenda no ano passado com o Banco Interamericano e BNDES. Vamos organizar uma agenda que deve ocorrer até o fim de fevereiro, na Europa, que terá como foco uma reunião com a comunidade europeia em Bruxelas e na Espanha, com foco principal no turismo. Acredito que essa presença do Ministério das Relações Exteriores e agora do Turismo vai fortalecer ainda mais essa integração de municípios, estados e governo federal e o setor privado, esse último como elemento importante”, pontuou Wellington.

Pio IX receberá investimento em energia renovável

09/01/2020 - 13:18


O governador Wellington Dias (PT) recebeu, nesta quinta-feira (9), o presidente do grupo Brasimax, Alvaro Akira Okuma. No encontro foi apresentado mais um projeto para a implantação de um parque eólico no município de Pio IX. Além disso, o grupo deseja produzir biomassa a partir da mandioca. Gestores da Secretaria de Estado da Mineração, Petróleo e Energias Renováveis (Seminper) e da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (SDE) participaram do encontro.

Piauí avança na produção de energia solar

08/01/2020 - 15:39

O Piauí ocupa a terceira posição no Brasil na produção de energia solar, com potência instalada de 278,2 MW e nove usinas. O estado está localizado em uma área chamada de “cinturão solar”, conforme a 2ª edição do Atlas Brasileiro de Energia Solar, divulgado em 2018. A região vai do Nordeste ao pantanal, passa pelo norte de Minas Gerais e pega o sul da Bahia e o nordeste de São Paulo.

Em 2019, foi aprovada a proposta de instalação de oito miniusinas fotovoltaicas (solar) em solo piauiense. O projeto apresentado prevê o uso de cinco terrenos privados e três áreas públicas, situadas em Caraúbas, Cabeceiras e Canto do Buriti. O investimento previsto (público e privado) é estimado em R$ 174 milhões.

De acordo com dados da Secretaria de Estado da Mineração, Petróleo e Energias Renováveis, as usinas em operação nos municípios de Ribeira do Piauí, João Costa e São João do Piauí produzem 270 MW (Megawatts). Estão sendo construídas, ainda, outorgadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a Usina Solar São Gonçalo, em São Gonçalo do Gurguéia; e a Usina Solar Etesa, também em São João do Piauí, que irão gerar 420 MW no total.

Governador vai inaugurar obras na região sul do Piauí

06/01/2020 - 15:19

O governador Wellington Dias e o secretário dos Transportes, Gustavo Aquino, cumprem agenda oficial, nesta terça-feira (7), na região Sul do Piauí, onde inauguram e autorizam importantes obras de Mobilidade Urbana.

No município de Rio Grande do Piauí, às 08h50, será realizada a inauguração das obras de pavimentação asfáltica de 23.983,50 m² em diversas vias urbanas do município. Os investimentos somam mais de R$ 1 milhão, com recursos do Governo do Estado, através da Setrans-PI.

Já no município de Pavussu, os gestores autorizam e inspecionam, às 11h, o reinício das obras de pavimentação asfáltica da rodovia PI-248, no trecho entre Rio Grande do Piauí e Pavussu, com extensão de 25,56 km.

As obras, que já foram reiniciadas, estão orçadas em R$ 4.781.426,87 com recursos de operação de Crédito do BNDES (Proinfra I) e Governo do Estado, por meio da Setrans-PI.

HGV é credenciado pelo SUS para cirurgias bariátricas

06/01/2020 - 14:16

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) obteve uma importante conquista no fim de 2019. Foi habilitado pelo Ministério da Saúde (MS) como unidade de Assistência de Alta Complexidade ao indivíduo com obesidade e passará a receber recursos pelas cirurgias bariátricas realizadas. O hospital já atendia a Linha de Cuidado do Sobrepeso e da Obesidade, mas com recursos estaduais.

Com o credenciamento, o HGV vai receber subsídio do Sistema Único de Saúde (SUS) pelos procedimentos bariátricos executados, como explica o presidente da Fundação Hospitalar do Estado (Fepiserh), Welton Bandeira. “Antes, todos os custos com o serviço de bariátrica era provido pelo Estado, mas agora o hospital vai receber um aporte do SUS pelos procedimentos. Reduzimos a despesa da rede hospitalar e podemos investir em novos serviços”, comenta o gestor.

Welton afirma que foram habilitados quatro leitos do HGV, uma solicitação antiga da casa. “Desde 2012 que o hospital pleiteava esse credenciamento, conseguindo êxito agora. Vamos melhorar o serviço e reduzir a fila de espera”, ressalta Bandeira.